Acesso

O Local onde se encontra a Cachoeira dos Ciganos, e a trilha de aproximadamente 750 Mt utilizada para o acesso ficam em áreas Particular. SAÍBA MAIS AQUI

As visitas são permitidas. Porém por se tratar de área de reserva natural é necessário solicitar a liberação de seu acesso para controle e preservação do meio ambiente.

Infelizmente por se tratar de zona rural não existe nenhuma linha do transporte público coletivo na região. Sendo assim não é possível visitar a região com o transporte público.

Não aconselhamos a realização da trilha com animais de estimação como cachorros e gatos, para a segurança dos demais visitantes, e do próprio animalzinho.

Por questões ambientais não é permitido assar carne no entorno da queda d’água ou nas encostas do rio. Existem locais específicos para isso que não colocam em risco a Fauna e a Flora. Procure por locais adequados antes de realizar a sua refeição. Respeite as normais ambientais.

Use o que for confortável. Recomenda-se ter um par de sapatos baixo, botas ou tênis. É preferível vestir-se com roupas leves. Evite chinelos.

Não muito, lembre-se que as visitas são inclusivas. Sugerimos que você traga roupas adequadas para atender a temporada, e água.

Condições Meteorológicas

É recomendado levar em consideração a previsão e situação do tempo para um passeio seguro. Em dias de fortes chuvas a travessia do rio é arriscada. é necessário levar em consideração a incidência de raios que também pode tornar o passeio inapropriado.

O País é líder mundial na incidência deste fenômeno, que provocou a morte de 1.790 pessoas entre 2000 e 2014, segundo o Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). A cada 50 mortes por raio no mundo, uma acontece no Brasil.

Fonte: Governo Federal

Meio Ambiente

Olha gente apesar de a resposta ser meio óbvia, muitos insiste em querer arrancar plantas e vegetações. Na região existe plantas que são protegidas por lei então é proibido retirá-las.